Tags: ENEM

Se você está se preparando para o Enem ou vestibular, certamente já deve ter se deparado com uma infinidade de fórmulas de física. 

A física é uma área do conhecimento que reúne uma série de conteúdos, e cada um deles está associado a certas fórmulas. 

Conhecer as fórmulas é o primeiro passo para resolver muitos dos problemas que são cobrados no Enem. 

Além disso, também é importante saber o significado de cada grandeza e entender o contexto que cada fórmula deve ser empregada. 

Pensando nisso, o EAD UNIARP reuniu as principais fórmulas de física que podem ser cobradas no Enem, explicando seus usos. Confira:

1- Velocidade média

É comum encontrar questões que peçam para determinar a velocidade de um copo. Elas costumam ser simples, mas exigem o conhecimento da fórmula. 

A velocidade média de um corpo é definida pela relação do seu deslocamento em determinado período de tempo. Logo, a fórmula é:

Vm = s / t

Vm: velocidade média

s: variação do espaço

t: variação do tempo

2 - Movimento Retilíneo Uniforme (MRU)

O MRU é um movimento caracterizado por ser em linha reta e no mesmo ritmo.

Ou seja, é o movimento de corpos que se deslocam em trajetória retilínea e com velocidade constante – sem aceleração.

Para calcular o espaço, o tempo ou a velocidade no MRU, utiliza-se a famosa equação:

S = So + V . t

S: espaço final

So: espaço inicial

V: velocidade

t: tempo

3 - Movimento Retilíneo Uniformemente Variado (MRUV)

Já o MRUV, é o movimento em que a velocidade varia uniformemente no decorrer do tempo. A principal característica desse movimento é a presença de uma aceleração constante e diferente de 0.

Confira a fórmula para determinar o espaço, o tempo, a velocidade ou aceleração no MRUV:

So + Vo.t + 1/2 a.t²

S: posição do corpo

So: posição inicial do corpo

Vo: velocidade inicial

a: aceleração do corpo

t: intervalo de tempo

formulas-de-fisica

4 - Distância

Muitas vezes, antes de partir para um cálculo mais complexo, é preciso achar uma das variáveis mais importantes da física: a distância. 

Felizmente, existe uma fórmula bem simples de encontrá-la. Confira:

d = v . t

d: distância

v:velocidade

t: tempo

5 - Segunda Lei de Newton

A Segunda Lei de Newton é um dos conteúdos mais cobrados no Enem e em provas de vestibulares. 

Segunda essa lei da física, para que um objeto mude o seu estado de movimento será preciso uma força resultante da massa do objeto e da aceleração por ele adquirida.

Essa relação pode ser descrita pela seguinte equação:

Fr = m . a

Fr: força resultante

m: massa

a: aceleração

6 - Pressão

Pressão é a grandeza física que mede a força aplicada perpendicularmente a uma superfície. Para o cálculo da pressão de líquidos e gases, usamos a seguinte fórmula:

P.v = n.R.T

P: pressão

v: volume

n: número de mols

R: constante dos gases perfeitos

T: temperatura

7 - Velocidade das ondas

Ondas é outro conteúdo que costuma aparecer frequentemente no Enem e nos vestibulares, ganhando muitas vezes até mais de uma questão sobre. 

No estudo da física, uma onda pode ser classificada como um movimento causado por uma perturbação que se propaga através de um meio. 

Um exemplo do que estamos falando é quando se joga uma pedra em um lago. O impacto da pedra causa uma perturbação na água, fazendo com que ondas circulares se propaguem pela superfície.

Para calcular a velocidade das ondas utilizamos a seguinte fórmula:

V = x . f

V: velocidade da onda;

x: comprimento de onda;

f: frequência da onda.

8 - Calorimetria

A Calorimetria é a parte física que estuda as trocas de energia entre corpos ou sistemas, quando essas trocas se dão na forma de calor. 

Calor significa uma transferência de energia térmica de um sistema para outro. 

A principal fórmula da calorimetria é a que calcula a quantidade total de calor em um corpo. Veja:

Q = m . c . Δθ

Q: quantidade de calor sensível (cal ou J).

c: calor específico da substância que constitui o corpo (cal/g°C ou J/kg°C).

m: massa do corpo (g ou kg).

Δθ: variação de temperatura (°C).

9 - Trabalho

Na física, Trabalho é uma medida da energia transferida pela aplicação de uma força ao longo de um deslocamento. 

Para calcular o Trabalho, utilizamos a seguinte fórmula:

τ = F.d

τ: trabalho

F: força

d: deslocamento

formulas-de-fisica-enem

10 - Eletricidade

A Eletricidade é um termo geral que abrange uma variedade de fenômenos resultantes da presença e do fluxo de carga elétrica, tais como relâmpagos, eletricidade estática, e correntes elétricas em fios elétricos

Veja a principal fórmula no estudo da eletricidade:

U = R.i

U: diferença de potencial elétrico

R: resistência elétrica

i: intensidade da corrente elétrica

11 - Equação de Torricelli  

Esta equação tem a função de encontrar a velocidade de um móvel em Movimento Retilíneo Uniforme (MRU) sem que o tempo seja conhecido. Confira:

vf² = v0² + 2 . a . s

vf: velocidade final

Vo: velocidade inicial

a: aceleração

s: variação do espaço

12 - Empuxo

O Empuxo é uma força vertical que atua sobre todo objeto mergulhado em um fluido.

Quando entramos na piscina, por exemplo, nos sentimos mais leves e boiamos pois há uma força de Empuxo atuando sobre nós, se opondo a força peso que seria responsável por nos afundar

De acordo com o princípio de Arquimedes, podemos calcular a força de empuxo da seguinte forma:

E = d . V . g

E: empuxo

d: densidade

V: volume deslocado

g: aceleração da gravidade

Conclusão

Neste artigo, apresentamos as principais fórmulas de física cobradas no Enem e nos vestibulares.

Se você gosta de conteúdos sobre estudos, confira outros do EAD UNIARP:

New call-to-action

Inscreva-se

New call-to-action
O que você achou dessa publicação?
Deixe seu comentário aqui.
BUY On HUBSPOT